Após visão de Cristo, bispo diz que Rosário irá derrotar Boko Haram

Roma, Itália, Abr 21, 2015 / 02:44 am (CNA/EWTN News).- Um bispo nigeriano diz ter visto o Cristo em uma visão e agora sabe que o rosário é a chave para livrar o país da organização terrorista islâmica Boko Haram.

Bispo Oliver Dashe Doeme diz que está sendo conduzido por um mandato divino para levar outros a rezarem o Santo Rosário até que o grupo extremista desapareça.

“No final do ano passado, eu estava em minha capela diante do Santíssimo Sacramento … rezando o rosário, e, de repente, o Senhor apareceu”, disse Bishop Dashe à CNA.

Na visão, o prelado disse que Jesus não falou nada no começo, mas estendeu uma espada em sua direção, e ele por sua vez, estendeu sua mão para ela.

“Assim que eu recebi a espada, ela se transformou em um Terço”, disse o bispo, acrescentando que Jesus, então, disse-lhe três vezes: “Boko Haram desapareceu!”

“Eu não preciso de nenhum profeta para me dar a explicação”, disse ele. “Ficou claro que, com o Rosário seria capaz de expulsar o Boko Haram.”

O bispo disse que não queria contar a ninguém, mas “sentiu que o Espírito Santo o induzia a fazê-lo.”

Ele começou como sacerdote em sua diocese, e, em seguida, disse aos participantes no 17-19 abril #WeAreN2015 congresso em Madrid, Espanha. O evento está sendo patrocinado pelos grupos de irmãos católicos espanhóis hazteoir.org e CitizenGo para reunir idéias sobre como preservar a presença cristã nos países onde são mais perseguidos.

O bispo Dashe conduz a Diocese de Maiduguri, no nordeste do Estado de Borno na Nigéria. Em 2009, havia cerca de 125 mil católicos sob a sua orientação. Depois de uma onda de violência do grupo extremista islâmico chamado Boko Haram, hoje “há apenas 50 a 60mil restantes”, disse ele.

A maioria dos que fugiram procuraram áreas mais seguras em outras partes da Nigéria, disse ele. Algumas dessas mesmas famílias agora estão voltando para suas casas como forças armadas da Nigéria, Chade e Camarões.

Em 2014, o Boko Haram se tornou conhecido em todo o mundo, quando seus membros sequestraram cerca de 300 meninas de uma escola no Estado de Borno. Em 7 março de 2015, cinco homens-bomba mataram 54 e feriram quase três vezes mais na cidade capital da Maidaguri, onde o bispo vive e trabalha.

O grupo já matou 1mil pessoas em toda a Nigéria nos primeiros três meses de 2015, de acordo com a Human Rights Watch, que relata que mais de 6mil morreram em violências causadas pelo Boko Haram desde 2009.

Apenas no mês passado, o grupo se uniu ao ISIS – também conhecido como o Estado Islâmico – que lançou uma campanha sangrenta no Iraque e na Síria no último verão.

Enquanto isso, o bispo Dashe acaba de concluir um “tour de consolação” para as comunidades em sua diocese, promovendo perdão e fé contínua. Ele acredita que foi chamado por Jesus para difundir a devoção ao Rosário, a fim de ajudá-los a fazerem o mesmo.

“Talvez seja este o motivo dEle ter feito isso”, disse o bispo, referindo-se a Jesus em sua visão.

O bispo Dashe disse que ele tem uma forte devoção à mãe de Cristo, e que “Nunca brinco com a ‘Mamma Maria.’ Eu sei que ela está aqui com a gente.”

E ele não é o único bispo nigeriano a colocar o futuro do país nas mãos de Maria. A conferência do bispos da Ningéria consagrou o país a ela duas vezes nos últimos anos.

O bispo Dashe acredita que um dia sua diocese vai estar completamente recuperada e crescerá graças à sua intercessão.

“Esses terroristas … acham que pela queima de nossas igrejas, queimando as nossas estruturas, eles vão destruir o Cristianismo. Nunca!”, disse o bishop Dashe à várias centenas de pessoas do estrado no congresso #WeAreN2015.

“Pode demorar alguns meses ou alguns anos… mas ‘Boko Haram desapareceu!'”

Mais tarde, ele disse à CNA que “a oração, especialmente a oração do Rosário, é (o que) nos livrará das garras desse demônio, o demônio do terrorismo. E, claro, ele está trabalhando. ”

Fonte: Catholic News Agency

Comentários

  1. […] Fonte: Catholic News Agency | wendelrodrigues.com.br […]